domingo, 16 de outubro de 2016

Lágrimas de sangue

Olhem em meu rosto e verá que a tristeza está dentro de mim
É triste sim, mas meu coração só é mesmo infeliz
Por onde eu ando não vejo quem amo e só a dor me persegue
Estou quase entregue, brigando com a sorte e o destino que não quis

A felicidade que eu sempre busquei não encontro e choro
Às vezes, no colo dessa mesma dor que tento esquecer
As lágrimas de sangue, de ontem e de hoje e de amanhã, talvez
Foi meu Deus que fez a dor e a saudade e também você

Deus fez a vida e um coração de carne onde você mora
Os meus olhos que choram lágrimas de sangue e você não vê
Minha boca que chama e os braços vazios que não te alcançam
Fez a esperança e os sonhos bonitos que sonhei com você

Quem sabe amanhã, que será um novo dia, então, você virá
Quando o sol brilhar lá no céu e sentir no seu coração
A dor da saudade que me castiga e que me faz sofrer
Você irá saber os motivos das lágrimas de sangue. Paixão

Quando a gente ama não se esquece. Não esqueci, e não esqueço
Sabes que eu mereço mais que o seu amor e tudo que Deus fez
Quero ver o sol nascer, minhas lágrimas secarem se você voltar
Não canso de esperar, quero te abraçar e ser feliz outra vez

Autor: José Nogueira Lima
11/02/2013

letrarabiscada@gmail.com

2 comentários: